Mato Grosso continuará as ações de combate ao desmatamento ilegal com o Programa REM MT

O Governo de Mato Grosso tem recebido importantes investimentos, desde 2017, para o combate ao desmatamento ilegal e incentivo à produção sustentável da agricultura familiar, comunidades tradicionais e fortalecimento e apoio aos povos indígenas, por meio do programa REM MT.

 

O REM foi criado pelo Governo da Alemanha em 2012 e atualmente, em Mato Grosso, conta com o apoio financeiro da própria Alemanha e do Reino Unido. Na primeira fase do programa, que se encerra ao final do primeiro semestre de 2024, foram atendidas 144 organizações sociais, sendo 114 associações ou cooperativas, além de 603 aldeias onde vivem 40 povos indígenas. No total, dos 142 municípios mato-grossenses, 107 foram atendidos. 

 

O REM MT atua em todo o estado, chegando há mais de 600 aldeias - Crédito: REM MT

 

INVESTIMENTOS

 

Foram investidos na primeira fase mais de 15 milhões de libras (o equivalente a 91 milhões de reais) pelo governo britânico, além de mais 15 milhões de euros (cerca de 80 milhões de reais) pelo Governo alemão. Esse valor investido teve um rendimento, o que possibilitou chegar a um valor total de R$247 milhões de reais. Os recursos da Alemanha e do Reino Unido são administrados pelo Banco de Desenvolvimento KfW, com assistência técnica da Agência Alemã para a Cooperação Internacional (GIZ).

 

Para a segunda fase, o investimento é de 15 milhões de libras (o equivalente a 91 milhões de reais) do governo britânico e 15 milhões de euros (cerca de 80 milhões de reais) adicionais do governo alemão e essa renovação do contrato é resultado do bom desempenho da primeira fase do REM MT.